domingo, 4 de setembro de 2011

Muito, muito tempo depois

Será o hábito de escrever um norte de raciocínio e reflexão? Ou estaria mas para um caderno de organizações memoráveis de acontecimentos internamente descritos?
Oh, nem lembro quando foi a última vez em que tentei pôr algo numa folha, nem me vieram versos 'do nada' na cabeça, onde saia desesperada para a frente do computador ou mesmo atrás de papel e lápis. Engraçado isso. Passei a ler textos antigos, e mais uma vez eu digo 'engraçado', ver coisas que saíram da mesma cabeça, escritos pelas mesmas mãos, o coração ainda é o mesmo também, e ler-se de um outro ponto de vista. Lembrar hoje sim, rir do que se passou, lembrar das dores, dos amores, dos encontros e dos sonhos. Da confusão que era entender o que eu mesma escrevia, e também refletir a respeito de postes como esses, onde não tinham nenhum propósito a  não ser observar-me escrever.
Talvez eu volte mais aqui, talvez não.

2 comentários:

  1. Eu passei a acompanhar o seu blog nem sei porque. Um dia observei que o último posto fazia quase um ano. Parei de vir aqui. hoje me deparo com uma surpresa. Um post novo. Fica no ar, será que vai voltar a postar? Vejamos com o futuro.

    ResponderExcluir
  2. Pretendo voltar a postar sim!
    Em breve.

    ResponderExcluir